Alunos do 3º ano da Escola Gomes Eanes de Azurara, acompanhados por três professores bibliotecários do Agrupamento de Escolas de Mangualde, declamaram poemas e pequenos excertos de obras literárias, na sede da Junta de Freguesia.

Foram vários os autores, cujos poemas ganharam vida com a interpretação dos estudantes que não quiseram deixar de assinalar o Dia Mundial da Poesia.

Marco Almeida agradeceu - “A poesia não é importante apenas porque embeleza, mas sim porque, através dela, é possível dizer o que precisa ser dito, denunciar ou até mesmo elogiar”. "Tudo o que fizermos pela promoção da poesia é um contributo para preservar a língua portuguesa."